PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

Auxílio para famílias de presos passou de R$ 600 milhões em 2015

Menina-de-12-anos-esta-presa-em-cadeia-publica-em-MSO auxílio-reclusão, benefício previdenciário mensal pago a dependentes de trabalhadores presos em regime fechado ou semiaberto, chega a apenas 7,1% da população carcerária brasileira, de aproximadamente 607,7 mil detentos. Mesmo assim, no ano passado, o governo federal desembolsou R$ 600 milhões para beneficiar familiares de 43,1 mil presos.
O valor médio do auxílio é de cerca de R$ 1.160,12. Contudo, ele difere de acordo com o histórico previdenciário de cada preso, com o quanto contribuía quando em liberdade, fazendo com que o benefício varie de um salário mínimo, de R$ 880, ao teto, de R$ 4.663,75.
Em 2014 a administração pública federal executou R$ 620,7 milhões para o auxílio-reclusão, em valores já atualizados pela inflação (IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas). O valor respondia ao atendimento de 45,1 mil segurados, resultando em pagamento médio por benefício de R$ 1.146,90.


TAG

0 Você estar em: “Auxílio para famílias de presos passou de R$ 600 milhões em 2015