PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

Assembleia Legislativa convocará concursados e cortará 700 cargos comissionados

Ezequiel anunciou medidas em
sessão realizada na manhã de hoje

Na sessão da Assembleia Legislativa desta terça-feira, o presidente Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), anunciou que vai cortar cerca de 700 cargos comissionados até o final desta semana.
Como parte do pacote de medidas anunciadas na manhã desta terça-feira o presidente destacou que até o fim do ano convocará todos os aprovados no concurso público realizado em 2013. O certame disponibilizou 85 vagas, mas apenas 20 aprovados foram chamados até o momento.
Segundo Ezequiel, a decisão de fazer cortes nos cargos indicados não ocorre em razão dos manifestos contra o alto número de comissionados externado pelo Portal da Transparência da Casa, mas como parte de um trabalho de planejamento estratégico definido no ano de 2015.
Outra ação imediata que faz parte do ajuste na gestão é a criação da Ouvidoria, por meio do Serviço Eletrônico de Informação ao Cidadão (e-SIC).
“A Ouvidoria Legislativa é um passo importante para receber reclamações, denúncias e sugestões da população. Uma Ouvidoria ágil, eficiente e transparente. Assim teremos condições de receber as reclamações, apurar e devolver à sociedade o resultado do que foi reclamado”. A previsão é que as reclamações sejam respondidas em até 48 horas.
Ao final, Ezequiel Ferreira disse aos deputados: “Juntos podemos e haveremos de fazer nossa parte, de olhos voltados para a posteridade. Dela nos orgulharemos ao levar adiante ideais daqueles que nos precederam e que muito fizeram por nosso Estado. Todos têm contribuído, cada um com sua melhor medida, com dedicação e espírito público, para que este Parlamento desfrute de respeito e confiança diante da população potiguar”, disse.
MANIFESTAÇÃO – Na manhã desta terça-feira, manifestantes se vestiram de ‘fantasmas’ e protestaram em frente ao prédio da Assembleia Legislativa.
Dados do Portal da Transparência mostram que a Assembleia Legislativa possui atualmente um total de 3.181 servidores. Destes, 552 são efetivos, sendo 173 aposentados ou pensionistas. Outros 51 são cedidos de outros órgãos. Os demais, 2.592 são funcionários indicados pela Mesa Diretora ou pelos próprios deputados, o que superam um total de 80%.
O caso ganhou uma grande repercussão nas redes sociais despertando dúvidas quanto a efetividade de alguns servidores, que inclusive manteriam residência em outros estados.


TAG

0 Você estar em: “Assembleia Legislativa convocará concursados e cortará 700 cargos comissionados