PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

A história da Copa do Brasil mostra que, por vezes, o Fluminense costuma se complicar contra times de menor expressão. O mesmo passado indica que o América-RN jamais passou das oitavas de final da competição. Entre a sina de um e a busca pela chance de conseguir um feito inédito do outro, as duas equipes medirão forças nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Maracanã, pelo jogo de volta da terceira fase. Com o contexto da vitória tricolor, na partida de ida, em Natal, por 3 a 0, que deve fazer os dois treinadores pouparem titulares. No time carioca, devem ser pelo menos quatro os preservados: Bruno, Valencia, Wagner e Rafael Sobis. No potiguar, o atacante Rodrigo Pimpão deve descansar com vistas ao campeonato nacional.
Nesta lógica, o Flu passa de fase mesmo com derrota por até dois gols de diferença. No caso de 3 a 0 a favor dos potiguares, a decisão vai para os pênaltis. O Alvirrubro precisa de quatro gols de vantagem ou de placares como 4 a 1, 5 a 2 e afins. Mas a história...  
São seis eliminações para times de menor expressão em 18 participações. Em 1994, o Flu caiu para o Linhares e abriu uma série de insucessos na década de 1990. Criciúma (1996), Ceará (1997), Paraná (1998), Juventude (1999). Depois, Brasiliense (2002). Em 2007, ao encarar o América-RN, ganhou fora e perdeu no Maracanã (avançou por ter feito mais gols como visitante). Acabou campeão. Foi em 2000 que o time nordestino chegou às oitavas e, mesmo com eliminação diante do São Paulo, alcançou a melhor campanha.  
O adversário do classificado à próxima fase está indefinido. Dependerá de sorteio a ser realizado.

Rodrigo Alonso Ferreira (SC) apita a partida, auxiliado por Nadine Schramm Camara Bastos (SC) e Angelo Rudimar Bechi (SC). A TV Globo transmite ao vivo para RJ, ES, MG (menos Uberlândia e Ituiutaba), SE, AL, PE (menos Caruaru), PB, RN, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR, AP e DF (com Luis Roberto, Júnior e Arnaldo Cezar Coelho). O GloboEsporte.com acompanha todos os lances, em Tempo Real, a partir das 21h30.
HEADER escalacoes 690 (Foto: Infoesporte)
Fluminense: Cristóvão Borges não revelou, mas a escalação será de time misto. A tendência é de que Bruno, Valencia, Wagner e Rafael Sobis sejam poupados, afinal, o mês de agosto é de maratona de jogos - são oito partidas entre Copa do Brasil e Brasileirão. Os zagueiros Gum e Henrique estão machucados. A provável escalação: Diego Cavalieri; Rafinha, Elivelton, Fabrício e Carlinhos; Edson, Jean, Chiquinho, Cícero e Conca; Fred. Caso o camisa 9 entre em campo, completará 200 jogos pelo Tricolor.
América-RN: o Mecão tem a volta do goleiro Fernando Henrique e vai promover a estreia do zagueiro Lázaro. O técnico Oliveira Canindé não confirma, mas deve utilizar a formação 4-5-1, apenas com Max no ataque. A novidade é a entrada do ala Arthur Henrique no meio-campo. Rodrigo Pimpão, destaque do time, deve ser preservado pensando na Série B. O time deve jogar com Fernando Henrique, Marcelinho, Cleber, Lázaro e Paulo Henrique; Márcio Passos, Tiago Dutra, Andrezinho, Jéferson e Arthur Henrique; Max.


TAG

0 Você estar em: “