PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

A tradição dos caboclos e malhação de judas





“Os Caboclos” fazem uma dança tradicional de malhação de Judas durante a Semana Santa. A dança mistura elementos de origem indígena e espanhola e exerce importante papel cultural no Estado.
A base coreográfica tem de quize a vinte brincantes (dançando sempre em roda), envolvidos em passos característicos e mantendo o “Judas” no centro, onde é pisoteado e agredido com bastões.
Quando estão se apresentando, os dançarinos emitem um som cutural, onomatopaico de ira, incessante, e seus sapateados ajudam a compor a base de percussão. As roupas de trapos de panos multicoloridos com capuzes, cuja confecção é realizada em mutirão, provocam bastante impacto visual.
“Essa dança é uma cultura de raiz e resistência. Quando se aproxima a Semana Santa, as crianças só querem ouvir esse tipo de música. Dançam e usam fantasias e  querem imitar  ou  reconhecer os caboclos.
Como manda  a tradição, durante  toda  a semana  os  grupos de caboclo andam ruas e  cidades  arrecadando contribuições para a festa de malhação de Judas que  acontece no domingo.
Esse  é um dos  grupos que vem se tornando tradicional em Riacho de Santana,  com a renovação dos componentes a cada  ano a expectativa é que a  cultura permaneça viva.


TAG

0 Você estar em: “A tradição dos caboclos e malhação de judas