PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

Vinte e cinco municípios do Alto e Médio Oeste Potiguar serão beneficiados com o “Programa RN Mais Justo”

A Governadora do Rio Grande do Norte Rosalba Ciarlini e o Secretário de Estado do Trabalho e da Assistência Social (Sethas), Luiz Eduardo Carneiro, apresentaram nesta quarta-feira (1) a Ministra do Desenvolvimento Social e Combate a Fome – MDS, Tereza Campello o “Programa RN Mais Justo”, versão dada no âmbito estadual ao plano Brasil sem Miséria. A cópia do programa foi entregue a ministra durante audiência realizada na sede do MDS, em Brasília (DF).
O Programa RN Mais Justo beneficiará 25 municípios do Alto e Médio Oeste Potiguar. Estes municípios que serão beneficiados foram definidos por critérios técnicos, para isso o governo cruzou indicadores sociais como taxa de analfabetismo, Índice de Desenvolvimento da Educação- IDEB, taxa de mortalidade infantil; analfabetismo; esgotamento sanitário; abastecimento d’água e percentual da população dos municípios em condições de extrema pobreza. A iniciativa do programa prevê ações estratégicas de combate à extrema pobreza, como o acesso à água, esgotamento sanitário, plantio, habitação, energia elétrica, escola, saúde, cultura, esportes, terra, segurança alimentar, ocupação e renda, entre outras. Para desenvolver estas ações será utilizada praticamente toda a estrutura administrativa do Governo do Estado sob a coordenação da Sethas.

Os 25 municípios potiguares beneficiados inicialmente com o programa serão: Apodi, Baraúna, Campo Grande, Coronel João Pessoa, Caraúbas, Dr. Severiano, Encanto, Frutuoso Gomes, Luiz Gomes, João Dias, Marcelino Vieira, Martins, Olho D’água do Borges, Paraná, Patu, Portalegre, Rafael Fernandes, Riacho da Cruz, Riacho de Santana, São Miguel, Serra do Mel, Taboleiro Grande, Umarizal, Upanema e Venha-Ver


TAG

0 Você estar em: “