PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

Bruno quer habeas corpus para voltar a jogar

Enquanto espera o julgamento do habeas corpus no Supremo Tribunal Federal, Bruno continua treinando na penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG). O ex-goleiro do Flamengo – acusado pelos crimes de homicídio qualificado, sequestro, cárcere privado e ocultação de cadáver de Eliza Samúdio em junho de 2010 – tem o objetivo de voltar ao futebol em 2012.
Segundo o advogado do goleiro, Rui Pimenta, o atleta só espera uma resposta positiva do STF para conseguir a liberdade provisória e voltar a jogar. O advogado diz ainda que clubes brasileiros mostraram interesse em contratar Bruno, de 27 anos.
No Flamengo, a decisão sobre um possível retorno de Bruno cabe à presidente Patrícia Amorim, que não quer a volta do goleiro. Por conta da prisão pela acusação do assassinato de Eliza Samúdio, o contrato de Bruno com o clube, que iria até 2012, foi suspenso.
Na semana passada, o STF negou o pedido da defesa de urgência para a votação do habeas corpus.


TAG

0 Você estar em: “