PLANTÃO DE NOTÍCIA
Search

Morre o poeta cordelista Zé Saldanha

Morreu nesta terça-feira (09), Zé Saldanha, ícone do cordel no Rio Grande do Norte. O cordelista mais velho do estado morreu aos 93 anos, na Casa de Saúde São Lucas, na tarde desta terça. O poeta estava no hospital desde o dia 10 de julho, onde foi internado para fazer cirurgia de intestino e vesícula. Após a cirurgia, Zé Saldanha teve infecção hospitalar e não resistiu.

José Saldanha de Menezes Sobrinho nasceu em 23 de fevereiro de 1918 na fazenda Piató, em Santana do Matos. Naquele início de século os tempos eram de coronelismo, beatos, rendeiras e cangaceiros. Nos sertões místicos do Nordeste, viveu entre cantadores e cordéis que retratavam não apenas a vida dura do sertanejo, mas também os horizontes de beleza e brabeza de homens do Sertão.


TAG

0 Você estar em: “